Você está aqui

Mudanças Climáticas

Mudança climática e adaptação no Brasil: uma análise crítica

Regiões semiáridas são consideradas altamente suscetíveis aos impactos adversos da mudança climática. Nesse contexto, o governo federal começou a implementar uma série de medidas para reduzir a vulnerabilidade de grupos menos preparados, como a agricultura familiar, para lidar com futuras mudanças.

Desde la disminución del hielo del Mar Ártico a tendencias en el uso de energía

Un nuevo informe del PNUMA da seguimiento al medio ambiente global en transformación a lo largo de las dos últimas décadas, mientras la población mundial llega a los 7 mil millones de personas. El nuevo informe plantea los desafíos y oportunidades para el desarrollo sostenible hacia Rio+20, y más allá

MUDANÇA DO CLIMA NO BRASIL: aspectos econômicos, sociais e regulatórios

Este livro dá continuidade ao compromisso do Ipea de desenvolver estudos e pesquisas na área de mudança do clima e que já conta com uma longa tradição na reflexão de temas como: custos e benefícios de ações de mitigação e adaptação, planejamento ambiental do meio urbano e social, políticas internacionais, desenvolvimento dos instrumentos de fomento tecnológico e regulação de instrumentos de mercado, assim como de contribuir para as negociações da delegação brasileira na convenção do clima.

Mudanças climáticas globais: a resposta da educação

O artigo aborda as respostas educativas perante as mudanças climáticas globais. Analisam-se as políticas nacionais e apresentam-se, como exemplo, resultados de pesquisa transnacional sobre mudanças climáticas e práticas educativas, da qual a Universidade de São Paulo foi parceira. O texto enfatiza que, do ponto de vista da relação entre o processo ensino-aprendizado, se observa uma enorme lacuna em termos de pesquisa, intervenção e debates em torno dos temas mais candentes.

As megacidades

Atualmente existem 21 megacidades no mundo. Até 2040 possivelmente esse número cresça para 60. Alguns autores vêm na redução da população rural e na tendência internacional do crescimento dos centros urbanos uma solução para a superpopulação. Os centros urbanos “verdes” diminuiriam a pressão da ocupação humana nos meios naturais. Os autores argumentam corretamente que os menores índices de crescimento populacional ocorrem em áreas urbanas.

Cidades e Mudanças Climáticas no Brasil: Planejamento de Medidas ou Estado de Risco?

Esse trabalho sistematiza uma leitura da legislação federal sobre mudanças climáticas (MC) e sobre as políticas relacionadas ao meio urbano. Procura-se analisar o arcabouço legal e institucional de diversas políticas públicas diretamente relacionadas com as MC e com a qualidade do ambiente urbano, mas geridas por diferentes instituições. Busca-se verificar as possibilidades e os obstáculos à implementação das ações relacionadas às MC, e a relação e impactos na problemática urbana.

PNUD/MMA – Campanha sobre educação ambiental e mudanças climáticas (relatório técnico)

Para a “Contratação de consultoria técnica especializada para elaborar documento que contenha parâmetros e diretrizes para a Educação Ambiental no contexto das mudanças climáticas, e elaborar uma proposta de campanha que contribua com um debate acerca das mudanças climáticas” foi elaborado o Projeto de Cooperação Técnica BRA/00/011 – PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento), contrato nº 133876, cujo relatório tem acesso público.

Uma proposta de política pública: Parâmetros e Diretrizes para a Educação Ambiental no contexto das Mudanças Climáticas causadas pela ação humana

A fim de contribuir para a política pública de EA sobre o tema Mudanças Climáticas, o Departamento de Educação Ambiental da Secretaria de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental do Ministério do Meio Ambiente (DEA/SAIC/MMA) elaborou este documento. A partir dele, o DEA expõe formas de compreensão teóricas conceituais do fenômeno, referenciadas nos campos da Ciência e da Educação Ambiental.

Financiamentos Públicos e Mudança do Clima

O objetivo deste estudo é realizar uma avaliação comparada das políticas e práticas de bancos e fundos constitucionais públicos brasileiros no que se refere às ações de redução do impacto climático de suas operações e ao fomento à transição para uma economia de baixo carbono. O estudo analisa iniciativas e procedimentos já implantados, bem como programas em desenvolvimento.

Disponível para download em:

Educación ambiental y cambio climático: Respuestas desde la comunicación, educación y participación ambiental

Este libro recoge las siguientes experiencias y reflexiones procedentes de diversas comunidades autónomas, proyectos de investigación y grupos de interés. Pretende ser una aportación que contribuya a los cambios de hábitos, conductas y estilos de vida necesarios para construir un futuro en el que la equidad y la calidad ambiental sean elementos centrales de nuestro modelo social.

Páginas

Subscrever RSS - Mudanças Climáticas